Google+ Followers

domingo, 17 de outubro de 2010

Los poetas andaluces de ahora - Água Viva

1 comentário:

Anónimo disse...

Nos mais negros anos da ditadura norteamericana no Brasil, a JB AM tocava toda noite esse poema musicado.E eu, jovem, chorava silenciosamente. Hoje, nos anos de democracia norteamericana no Brasil, não há mais a JB AM e eu, ancião escuto esse poema musicado e choro silenciosamente num quarto de subúrbio carioca.
Hébel de Carvalho Costa, 70